quinta-feira, 17 de abril de 2014

Delícias de Páscoa!

Precisa dizer algo?
Tudo feito pela minha mãe.
Pela imagem dá pra ver os múltiplos talentos dela... do artesanato às quitutes!
Tudo uma delícia!

Como eu não sei fazer as delícias, faço cestos e encho com algumas coisinhas. Alguns dos cestos da família.

E tentei fazer um coelho "tipo" Tilda. Até na próxima Páscoa, melhora! Tem vários PAP por aí, mas achei este daqui bem completo pra quem quiser fazer. Mudei um pouco...

Quando esse post for publicado estarei em viagem.
Desejo a todas/os uma ótima semana de Páscoa - que a mensagem da Alegria pela Vida possa nos acompanhar e fortalecer, sempre!

domingo, 13 de abril de 2014

Horta de Algodão: Páscoa orgânica para bebês!

Comentei no post anterior sobre a Horta de Algodão, que abriu essa semana.
A empreendedora principal é a Juliana. Ela é filha da minha amiga e colega Valéria e a conheço há 15 anos. Era uma menininha e hoje é uma mulher empresária. Dá muito orgulho!!!


Desde que a Juliana, com apoio de sua mãe e de toda a família, começou a gestar a ideia, me entusiasmei. A ideia é inovadora e oportuna: uma loja especializada em produtos orgânicos para bebês.

Além de acompanhar a ideia, a turma do CRiações em família & cia. foi convidada a CRiar alguns produtos exclusivos para a marca Horta de Algodão. Então, já estamos lá.
Eu não tenho tempo e nem posso me envolver - mas me entusiasmo, tenho ideias, crio produtos - e a família e cia.! executa.

Como estamos às vésperas da Páscoa, mostro hoje um dos produtos confeccionados, que não são só para a Páscoa, mas combinam com data - cestos organizadores para o quarto do bebê.
Tudo feito com tecidos orgânicos, certificados.
Minha irmã Liliana teve participação especial nestas peças.
Em dois tamanhos diferentes, podem ser usados separadamente ou como conjunto.

O que colocar dentro?
Ah, lá na loja tem muita coisa pra encher os cestos, já que chocolate não é uma escolha para os bebês, não é?
Tem fralda biodegradável, papinhas orgânicas, roupas, acessórios, bichinhos de pano fofos - exclusividades da Horta de Algodão e outras marcas que produzem produtos baseados no conceito.
Então, se você é de Porto Alegre, corre lá e aproveita - encha a sua cesta!

Os tecidos orgânicos ainda são de difícil acesso no Brasil. Há pouca produção. Estamos aprendendo e encontrando os caminhos.

Como já comentei, minha mãe, a Marta e a Jud também estão CRiando... outra hora, post exclusivo!

Acompanhe o facebook da Horta de Algodão!

sábado, 12 de abril de 2014

Feliz coincidência!

Foi uma semana cheia - e com muitos destaques gostosos!
A feliz coincidência: eu tinha uma viagem de trabalho para Brasília - e quem estava lá, também a trabalho? E por sabermos que estaríamos na mesma data, reservamos o mesmo hotel...
Assim, na noite em que cheguei, pude encontrar a Sandra um pouquinho!(madrinha da Kerstin, do Bugstudium Creative Design)
Logo que nos encontramos, um "tchau" pra Kerstin. Depois fomos num boteco delicioso. E ainda ganhei presente - um livro, que tem tudo a ver com meu momento...

Teve sushi aqui em casa, com a parte da família que gosta - só minha irmã Caroline e minha sobrinha Evelyn com seus respectivos marido / namorado e eu que gostamos. A Stephanie, amiga, também nos acompanhou. E a Kerstin, comeu pastel...

Essa semana as queridas amigas Juliana e Valéria abriram uma loja muito fofa - a Horta de Algodão, aqui em Porto Alegre, no Shopping Iguatemi. Desejo muito sucesso, gurias!!!
E o legal é que tem alguns trabalhos feitos por gente do CRiações em Família & cia., mais a Marta e a Jud por lá também...
Outra hora falo mais, mas é uma proposta muito legal, de produtos orgânicos para bebês. Não deixem de acessar e conferir!

Marta, Kátia, Kerstin e eu fomos conferir como estão as arrumações na casa da Márcia Balz, que anda inventando muito por lá. Devia fazer um post especial pra isto, pois está ficando muuuuito legal.
Mas o farei quando estiver pronto e fizer fotos que façam jus a tudo!! Por enquanto, só um aperitivo.
Ela, com a ajuda do filho Guilherme, forrou toda uma parede da nova churrasqueira com pallets - ficou demais!
E o toque do ambiente, é essa luminária, que ela achou no lixo e transformou. A tinta vermelha, fez toda a diferença!!!
Então - ela tá se especializando nisso. Qualquer informação, só falar com ela pelo facebook - @MárciaBalz.

E na família continua a decoração de Páscoa! Minha irmã Liliana fez uma árvore de Páscoa - Osterbaum, na origem alemã - com fairy lights!
E as velas feita pela nossa mãe - sempre lindas!


E teve muito mais... mas as novidades são assunto para outra hora.
Também teve preocupações, mas tudo se resolveu.
Não há espaço para tédio :)

Fernanda Reali
Curta a página do blog Facebook: aqui.
Siga no Bloglovin: aqui

sexta-feira, 4 de abril de 2014

Minha Pêssanka

Kerstin esteve na Ucrânia no ano passado. Trouxe pra mim essa Pêssanka - artesanato típico ucraniano. É um ovo de galinha, pintado com toda essa delicadeza e beleza.
Ela trouxe e eu guardei. Essa semana, finalmente, passei a cordinha pelos furinhos, para pendurar.
Pela fragilidade da peça, pendurei-a dentro desse armarinho - uma relíquia, que era de minha avó. Deve ter uns 60 anos. Era o armarinho de banheiro dela. Aqui em casa está na sala - estava no atelier, mas essa semana o levei para a sala.
Dentro dele tem algumas outras relíquias e lembranças. Cristais que ganhei da minha mãe. Anjinhos - os de madeira são da Alemanha, eram da minha madrinha. O de porcelana comprei em Blumenau. O de cristal também é de Blumenau, mas fazia parte da lembrancinha no casamento da comadre/compadre Sandra e Maurílio.
Na sala, ficou neste cantinho, após sair do atelier - onde continuo a arrumação!
Na foto abaixo, a Kerstin, em Kiev, em frente a uma Péssanka gigante!
A Péssanka, esta foto e as outras fotos acabam tendo ainda um sentido mais forte, quando pensamos na crise pela qual aquele país passa hoje. Kerstin e as amigas estiveram lá um pouco antes e já perceberam a tensão, mas não imaginavam o tamanho da crise.Fica só o desejo de que as cores voltem a alegrar a vida das pessoas por lá...
A Péssanka, por enquanto, é minha única decoração de Páscoa por aqui. Mas minha irmã já está decorando a casa...
A semana aqui foi de muito trabalho, muitos planos e projetos... esses momentos de organização da casa, mexer na decoração, são os meus momentos de relaxamento!

Fernanda Reali

terça-feira, 1 de abril de 2014

Cavalos à mesa?

Queria fazer um presente para um casal amigo, muito querido. Eles amam cavalos. Eles têm cavalos, curtem tudo que tem a ver com eles, tem uma casa com decoração gaudéria.
Achei este tecido e resolvi fazer um cesto para os pães e o jogo americano.
Para fazer este cesto usei um outro PAP, daqui [diferente dos que mencionei aqui]. Este PAP é mais apropriado para o uso de tecidos barrados como este.
Eu gostei. Espero que eles gostem também!

Curta a página do CRiações em Família & cia. no Facebook.
Siga CRiações em família & cia. no Bloglovin.

sexta-feira, 28 de março de 2014

Nichos para guardar lembranças

Esta semana foi o 242º aniversário de Porto Alegre. Não sou daqui, mas gosto daqui.
Um dos meus lugares preferidos é a Redenção, mais especificamente, o Brique da Redenção - aos sábados e domingos. Minha última aquisição lá foram nichos para algumas esculturas que comprei em feiras de artesanato por aí. Encomendei com um marceneiro artesanal.
Elas ficavam no atelier que, como comentei, está em mudança.
Agora estão no primeiro andar, logo ao descer a escada.
Quando minha irmã Débora esteve aqui em dezembro, comentou que a escada ainda estava meio vazia. Tá, agora enchi! Mas ainda falta uma cor nessa circunferência superior da parede :)
Aqui, já falei que gosto de peças com figuras humanas e de onde as trouxe. Carinho especial por cada uma. A foto não mostra a beleza delas - mas segue um detalhe.
A mulher carregando a moringa, à direita do primeiro nicho; e a figura mais escura do segundo nicho, trouxe de Cabo Verde [não existiam no outro post].
A terceira, à direita, Kerstin trouxe de Porto Seguro. Achei uma gracinha ela considerar que gosto das figuras humanas e que ia combinar com outras duas amarelas...
O cenário completo. Dá pra perceber que gosto de parede cheia?
Gostei do trabalho do marceneiro Ademir. Podem encontrá-lo na Redenção - sábado: Box 194; domingo: Box 30.

E, voltando ao tema de Porto Alegre: Tá certo, nesse momento tá virada num canteiro de obras e tem muitos dos problemas de outras capitais e, ao meu ver, carente de qualificação em vários setores... Ainda assim, sou feliz aqui!
Pra quem quiser, aqui podem ser acessados dois vídeos de Porto Alegre que circularam esta semana - Porto Alegre: happy ou unhappy?, diz a manchete. Vale a pena!

BC A Semana.
Fernanda Reali