domingo, 7 de abril de 2013

Mesada para aprender a consumir

Hoje tem BC lá na Nádia. O tema é "Mamãe tá de olho no consumismo". Estou numa fase diferente da maioria das gurias que participa dessa BC, pois a Kerstin já tem 17 anos.
Não dá pra contar toda experiência, por isso escolhi compartilhar o que fiz quando ela tinha 13 anos, uma fase em que a vontade de comprar e acompanhar as amigas aparece mais forte e os gastos com cinema, festas, também crescem. E, claro, não era muito fácil controlar e negociar.
Fiz a mesada eletrônica (uma conta bancária, vinculada à minha, sem taxas e possibilidade de pequenos valores) e combinamos um valor maior do que a mesada que tinha até então (que ela ganhava desde os 5 anos). Neste valor tinha que caber qualquer roupa (eu só comprava uniformes e as coisas básicas), qualquer calçado, os ingressos de cinema e festas, guloseimas fora de hora, maquiagens, bolsas, seja o que for. Eu acho que funcionou para o aprendizado - e trouxe economia pra casa. Agora ela está na Universidade e passou a ter a conta universitária, com mais responsabilidades.
O porquinho e todos os cofrinhos continuam valendo até hoje. Já faz alguns anos que ela compra o biquini pro verão com as moedinhas - mas ela o compra no inverno, pela metade do preço.
Eu diria que não somos consumistas, mas gostamos de consumir, sim.
Eu sei que  tem algumas coisas  às quais não resisto: viajar sem comprar umas coisinhas; comprar materiais para artesanato, mesmo quando não vou fazer logo; calçados, amo comprar; lenços e echarpes... Mas compro do jeito que gosto e não empurrada pela moda, pelos apelos, pelas marcas. E dentro do limite possível - tá, a gente até passa do limite de vez em quando e aí tem que economizar mais depois... Hoje é legal, pensamos e discutimos juntas. Nos ajudamos e pensamos prioridades. Mas fácil, não é não...!
Vá lá aprender com as outras mães! Só clicar!


Curta a página do Criações em Família & cia. no Facebook: aqui.

20 comentários:

  1. É muito bom aprender com as mamães mais maduras e que já passaram por fases diferentes.
    Aprendendo com vc!
    Bjus e obg por participar da BC.
    Genis
    http://www.reciclandocomamamae.com/

    ResponderExcluir
  2. Adorei o post!:D
    Acho que é isso mesmo, ajuda a valorizar também!
    ***=)

    ResponderExcluir
  3. Gostei muita da ideia que você teve da mesada! Era uma forma de fazer que ela soubesse o que podia gastar né?

    Beijo!

    ResponderExcluir
  4. a minha tem 9 anos e desdo 7 ela tem mesada e acho isso importante
    valorizar o dinheiro
    que tem nas mãos
    parabéns pela BC
    também estou participando
    lindo domingo
    beijokas

    http://sermamaepelasegundavez.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Marion, adoro aprender com mães mais experientes, adorei sua participação no BC.


    Tri-beijos Desirée
    http://astrigemeasdemanaus.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Adorei as idéias, vou tentar. Obrigada pela visita no Coisas e vim te conhecer também e seguir. Bjus Andrea e Lara coisas-da-lara.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Oi!!
    Cheguei aqui através da BC que também estou participando.

    Adolescência é difícil, né? Não tenho filho adolescente mas já fui uma rs
    Mas nunca me importei com essas coisas, de verdade.
    Até tentavam me 'subornar' com essas coisas, mas nunca conseguiram xD

    Nunca tive mesada, mas acho super importante ter pra ensinar a administrar o dinheiro e ter responsabilidade.
    Não sair comprando tudo e toda hora.

    Beijos!!!!!

    ResponderExcluir
  8. Que que estou aqui e me identifiquei muito com vc, pois tb tenho filhos adolescentes e por incrível que pareça são das mesma idade dos seus.
    Realmente aprender a economizar e comprar somente o necessário não é fácil, mas sei que ensinei o certo pra eles e hj não tenho problema com isso.
    obrigada por compartilhar aguardo sua visita no Papo de Mãe.
    Bju

    ResponderExcluir
  9. Marion, obrigada pela visita lá no Ando Gestando.
    E adorei seu post. Sempre bom aprender com mães mais experientes. Sabe que comecei a pensar nessa parada de mesada agora, depois de ler seu post. Meu filho ainda tem 1 ano, é muito cedo pra isso, mas já me deu uma ideia de como proceder, quando ele crescer ;]
    Beijos mil.
    Mariana
    http://andogestando.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  10. Olá!! Amei sua participação... Ótima ideia a da mesada fazendo com que sua filha assumisse responsabilidade desde cedo. Com certeza vou copiar!!
    bjss

    http://cphilene.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  11. Tenho a sorte de nunca ter tido uma filha muito pedinchona e que aceita bem que nem sempre e possivel comprar isto ou aquilo, que por vezes temos que esperar por uma fase melhor.
    Eu ja fui mais consumista, hoje sou bem mais ponderada, a vida assim me ensinou.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  12. Acho interessante falar de economia.
    Para mim sempre foi muito fácil economizar desde pequenina, porque era eu quem ganhava o meu dinheirinho. Hoje valeu muito apena tenho 19 anos e me permito algumas horas em lojas de sebos de livros adoro! Interessante o jeito que fez com tua filhota, achei muito dez! Acho que mãe sempre arruma um jeitinho de educar, amar e ensinar.

    Beijinho Marion

    ResponderExcluir
  13. Ótimo exemplo para mães de adolescentes e crianças também. Ensinar desde cedo a economizar e valorizar o dinheiro é muito importante!

    bjs
    Paty

    ResponderExcluir
  14. Muito legal você falar sobre isso.
    Eu também trabalho com mesadas desde que eles eram bem novinhos, antes, juntávamos as moedinhas, e íamos trocar depois, quase sempre era pra viajar e gastar na praia...lembro da felicidade deles no 1o cofrinho, rsr, eles iam pitoquinhos, tipo uns 5/6 anos, umas 5 casas depois da minha para trocar as moedas na lojinha que tinha lá...depois viajamos e eles sabiam o que podiam gastar pois tinham tanto de dinheiro do cofrinho...acho que esse foi um grande aprendizado....hoje minha filha tem 13 anos, hiper social e gasta um pouquinho, mas sabe o quanto deve e pode, já meu filho (17), sempre economizou e já comprou celular, tablet, tudo com dinheiro dele...é muito bom saber que essa educação financeira se começar cedo faz muito efeito.
    Tenha uma ótima semana.
    Beijos

    ResponderExcluir
  15. Oi Marion. Podemos até considerar que nem tanto consumismo, já que não há também influência da moda. Isso já é grande alivio. A moda pressiona muito. O bom é sair fora dela...

    Muito legal sobre a mesada que fez pra sua filha e estabelecer dentro dela o que seria para o gasto...

    Cada família tem uma estratégia para poupar ou para ensinar os filhos que eles tem que se esforçar para ter as coisas.. E acho que é nosso papel mesmo ensiná-los, afinal não nasceram já sabendo..

    Parabéns e muito obrigada pelo comentário no Bolhinhas de Sabão para Maria.

    Seja sempre bem-vinda! Beijos

    Teresinha Nolasco.

    ResponderExcluir
  16. Marion, certamente fizeste um ótimo trabalho! A Kerstin se mostra sempre muito responsável e com noções bem adequadas a respeito do dinheiro! Beijos!

    ResponderExcluir
  17. Que bela dica! As minhas ainda são bebês, mas essa tua dica ensina muito mais do que economizar. parabéns!

    ResponderExcluir
  18. Querida que ótima dica, parabéns!

    Obrigada por seguir o blog e boa sorte no sorteio.

    ResponderExcluir
  19. Mis felicitaciones por esas ideas que comparto; es importante enseñar el valor del dinero y del esfuerzo a los hijos y también el de darse una pequeña recompensa, de vez en cuando, dentro de las posibilidades de cada uno. Me ha gustado mucho leer este post. Abs

    ResponderExcluir

Ficarei feliz com seu comentário - ele nos inspira!

Veja também

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...